SPFW Verão 2016 – Day 3

Olá Pinks, como estão?!

Quem está viciada em acompanhar todos os desfiles do SPFW como eu? haha

Gente, ontem passaram muitas tendências legais pelas passarelas. As marcas que desfilaram foram: Isabela Capeto, Reinaldo Lourenço, Alexandre Herchcovitch, Ronaldo Fraga, Lollita, Salinas, Vitorino Campos, João Pimenta e Colcci.

Selecionei aqui os 4 desfiles que mais gostei. Vamos conferir:

reinaldo lourençook

Renda-se a renda novamente! O mix de feminino x masculino, com peças de alfaiataria, apostando nas cores candy color e nas rendas, foram destaque na coleção de Reinaldo Lourenço.

A inspiração de Reinaldo foi em George Sand, uma das primeiras mulheres a usar roupa masculina. Conhecida como baronesa de Dudevant, a romancista francesa do século 19 foi a referência de pesquisa do estilista para criar seu verão, em que os trajes de gala masculinos são reinterpretados nos looks femininos da coleção.

Nas tendências: minissaias com barra arredondada e bermudas que já são must-have da próxima temporada.

A paleta de cores ficou ente os tons pastel de rosa e azul, para quebrar a formalidade que a alfaiataria e trazendo o feminino, adulto misturado a doçura infantil.

Alexandre Herchcovitch ok

O verão 2016 de Alexandre Herchcovitch, traz uma proposta inusitada com misturas orientais e elementos marítimos. O resultado são volumes e texturas inusitadas, cheios de atitude.
Entre os destaques, os casacos da estação de Herchcovitch aparecem mais alongados, deixando o look mais sofisticado. As peças mais estruturadas remetem a cultura japonesa, como saias, blusas e vestidos que, ganham um toque de “origami” com modelagens inusitadas.

As transparências também estiveram presentes, quebrando a rigidez dos looks.

Na cartela de cores, as várias nuances de azul e tons terrosos. Claro qua não faltou o vermelho e preto, para garantir o ar nipônico em sua coleção.

salinasok

A Salinas trouxe uma proposta com muito estilo e personalidade. A marca misturou referências militar com marroquina.

A inspiração central foi em Essaouira, uma praia da região do Marrocos. O resultado é uma coleção com cores fortes – principalmente o laranja –  e muitas estampas.
Inovando nos materiais, a marca desfila seu primeiro biquíni de couro e aposta nos maiôs e tops de seda – com ruffles, tendência da temporada.

Os maiôs ganharam recortes vazados e os biquínis tiras de couro, além das peças com estampas militares.

A marca carioca esbanjou criatividade, utilizando muito a cor laranja e uma linha que promete fazer sucesso no verão 2016!

colcciok
Batizada de Flower Punk, a Colcci taz para o verão 2016, o jeans em pach geométrico – recortes costurados um ao lado do outro com cores e texturas próximas, nesse caso – e também muito jeans no estilo alfaiataria.

As flores apareceram no primeiro look desfilado por Gisele, ou nas estampas em gazar de seda. Já o punk, esteve presente nos acessórios e no xadrez. Mesclado a esses estilos apareceram as saias evasês e capas de chuva no estilo anos 60.

Finalizando, a marca foi democrática nas escolhas do jeans, apresentando desde modelos justinhos até calças culotte (modelagem larga e mais curta que o tradicional).

A marca teve o privilégio de ser escolhida por Gisele para encerrar seu ciclo de 20 anos de passarela, por ser sua parceira há anos. No final Bündchen, se emocionou e a plateia vibrou com esse belo desfile.

E então, gostaram?

Beijo Pink!

Moda
Anterior
Próximo

You Might Also Like

No Comments

Leave a Reply